Primeira composição de Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT) chega a capital paraibana

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

A primeira composição de Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT) chegou a capital paraibana neste fim de semana. Segundo o Superintendente da CBTU em João Pessoa, Wladme Macedo, as três carretas que vão trazer o trem foram carregadas na tarde da última quarta feira, 29, com previsão de chegada em Cabedelo na noite da próxima sexta feira, 31. A partir da chegada dessa primeira composição, a cada dois meses a fábrica Bom Sinal deverá entregar mais uma até totalizar oito trens.

A entrega do VLT é uma etapa do projeto de modernização do sistema de trens urbanos de João Pessoa, que ainda terá a contratação de uma empresa especializada para realizar os estudos e apontar as necessidades de construção e adequação das estações, via férrea, remodelação da Oficina e demais obras de melhoria nos 30 km do sistema. Nesta etapa, a aquisição do VLT representa um investimento da ordem de 70 milhões, oriundos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) Equipamentos.

“A chegada do VLT representa a preocupação da CBTU em melhorar de forma substancial a mobilidade e a acessibilidade das pessoas ao transporte público. Com o novo trem, a pessoas terão, em médio prazo, viagens mais confortáveis, rápidas, seguras e muito mais baratas”, afirma Macêdo. O superintendente enfatiza ainda que com a implantação do VLT, a Região Metropolitana de João Pessoa passará a ter um indutor da mobilidade urbana, podendo chegar a ser o principal modal de transporte, sendo alimentado por ônibus, o que resultará em menos veículos trafegando pelas ruas das cidades de João Pessoa, Cabedelo, Bayeux e Santa Rita.

Ao final do processo de modernização, prevista para os próximos quatro anos, a CBTU estima reduzir o tempo de espera entre os trens dos atuais 55 minutos para até 15 minutos, com a construção de estações ilhas que possibilitará mais cruzamentos entre as composições. Também prevê um salto no número de passageiros transportados de 5 mil/dia para até 40 mil usuários diários.

A primeira composição do VLT será descarregada na cidade de Cabedelo, onde será recolhida á oficina para a conclusão da montagem e, consequentemente, entrar em fase de testes operacionais.

VLT – O Veículo Leve sobre Trilhos é um trem moderno, rápido, seguro e confortável. Fabricado pela empresa cearense Bom Sinal, instalada na cidade de Barbalha, o modelo adquirido pela CBTU é o Mobile 3, dotado de duas cabinas computadorizadas – uma em cada extremidade dos carros motores e um carro reboque ao meio. Ele é um Trem Unidade Diesel-Hidráulico (TUDH), construído em fibra de vidro, com sistema hidráulico fornecido pela Voith (Power Pack) e participação da empresa Trends. Trata-se de um veículo ferroviário leve de passageiros para transito urbano e suburbano, com motorização diesel, tração diesel-hidráulica, bidirecional, que trafega em bitola métrica – distância de um metro entre os trilhos -, ar condicionado, acessibilidade para deficientes físicos, passagem entre os carros, sistema de comunicação interna digital e sonora e capacidade para transportar até 600 passageiros por viagem. O VLT de João Pessoa mede 55,8 metros com altura de 3,7 metros e 2,8m de largura.

Informações: Paraíba.com.br

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960