Prefeitura de BH vai contratar segurança armada para estações do BRT/Move

domingo, 12 de outubro de 2014

De acordo com o prefeito, a expectativa é de que sejam contratados 150 vigilantes para conter os casos de roubo, violência e vandalismo. As plataformas já contavam com segurança comum, contratada pela BHTrans. Ainda segundo Lacerda, enquanto a licitação não é concluída, guardas municipais serão deslocados de outras áreas para reforçar a segurança na estações. 

Algumas estações do transporte rápido por ônibus de Belo Horizonte já foram alvos de assaltos e furtos desde o início da operação do sistema. O último caso registrado aconteceu no dia 3, quando bandidos renderam funcionários da Estação Pampulha pela manhã. 

Segundo a Polícia Militar, um dos bandidos estava armado e ameaçou as funcionárias do guichê. Primeiro as trabalhadoras ouviram alguém bater na porta da bilheteria, mas quando foram atender não encontraram ninguém. Logo depois, os ladrões aproveitaram a chegada de outra funcionária para entrar na cabine. 

No Centro de Belo Horizonte, o problema são os furtos de placas de alumínio das estações. Em setembro, um adolescente de 17 anos foi detido após arrancar as peças da fachada de uma das estações, durante a noite.

Por Cristiane Silva e Guilherme Paranaiba
Informações: Estado de Minas

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960