BRT Transcarioca opera com todas as estações a partir de sábado

quinta-feira, 2 de outubro de 2014

A Secretaria Municipal de Transportes e o Consórcio BRT inauguram neste sábado (04/10) as seis últimas estações do BRT Transcarioca. Com isso, os passageiros poderão utilizar o novo serviço Galeão-Penha (Parador), que vai operar com intervalos de 10 minutos nas estações: Penha (I e II), Ibiapina, Olaria (Cacique de Ramos), Cardoso de Moraes (Viúva Garcia), Santa Luzia, Maré, Fundão, Galeão - Tom Jobim 2 e Galeão - Tom Jobim 1. O serviço expresso que vinha fazendo o trajeto até a Penha passa a ser Fundão-Alvorada e funcionará das 5h às 23h, com saídas a cada 7 minutos. Não haverá corte de linhas convencionais nesta etapa.
Foto: João Mattos / FotoNews
O BRT Transcarioca já transporta 182 mil passageiros por dia, devendo chegar, com as entradas em funcionamento das novas estações, aos 192 mil nos próximos dias. Ao final da implantação da terceira e última etapa, a expectativa é de que 320 mil pessoas utilizem o corredor expresso. O primeiro BRT implantado na cidade, o Transoeste, já transporta 180 mil passageiros por dia, totalizando 362 mil pessoas diariamente em todo o sistema BRT.

O Transcarioca liga a Barra da Tijuca à Ilha do Governador (Aeroporto do Galeão) e é o primeiro corredor de alta capacidade no sentido transversal da cidade. O tempo de viagem por ônibus no trecho já reduziu em 60%. São 39 quilômetros de extensão, com 10 viadutos (sendo um estaiado), nove pontes (duas estaiadas), três mergulhões, 47 estações e cinco terminais, passando por 27 bairros como Curicica, Taquara, Tanque, Praça Seca, Campinho, Madureira, Vaz Lobo, Vicente de Carvalho, Vila da Penha, Penha, Olaria e Ramos.

As mudanças serão divulgadas nas estações e principais pontos das linhas com distribuição de folhetos explicativos. As novidades também estão nas redes sociais do BRT Rio, que atingem mais de 120 mil seguidores.

Informações: Jornal do Brasil

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960