Falha no Monotrilho assusta e derruba passageiros

terça-feira, 9 de setembro de 2014

O Monotrilho da Linha 15- Prata do Metrô, em testes com público desde a semana passada, já apresentou um número elevado de falhas. Técnicos da Bombardier, fabricante dos trens, dizem que tais falhas são normais pelo fato de ainda ser uma operação experimental.

A equipe do Mobilidade SP está acompanhando essa operação assistida e já presenciou uma série de falhas. Entre elas estão: travamento de portas, Falhas no sistema de comunicação... Entre outras.

A mais notável delas, aconteceu ontem. O trem passou o ponto de parada em Vila Prudente e, não abriu as portas pelo fato de estar desalinhado com a estação. O mesmo ficou parado por cerca de 5 minutos e, deu um tranco para trás, derrubando alguns passageiros.  Após o tranco, o trem abriu suas portas, mas, a estação não. (conforme foto acima).

Esse tipo de falha acontece também nas demais linhas que usam portas automáticas. É uma falha causada pelo Sistema de controle nos trens.

Observação: Neste domingo, O Governador Geraldo Alckmin, quase levou um tombo dentro do trem após a composição dar um tranco.

Informações: Mobilidade SP

Leia também sobre:

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960