Prefeitura do Recife garante passe livre para 14 mil estudantes da rede municipal

terça-feira, 20 de maio de 2014

Mais um compromisso fixado no Programa de Governo do prefeito Geraldo Julio começa a virar realidade. Na tarde desta terça-feira (20), o gestor encaminhou à Câmara dos Vereadores o Projeto de Lei do Executivo que prevê a implantação da gratuidade do Sistema de Transporte Público de Passageiros – Passe Livre para os alunos do 6° ao 9° ano da rede municipal de ensino. A iniciativa beneficiará cerca de 14 mil estudantes, que receberiam 44 passagens por mês para serem utilizadas exclusivamente no trajeto residência/escola/residência. Após escutar as reivindicações dos representantes do movimento estudantil presentes no ato, o prefeito Geraldo Julio tomou uma decisão imediata de ampliar cerca de 1/3 do volume disponibilizado, que passou de 44 para 60 passagens por mês.

Para garantir o benefício, que começa a valer 90 dias depois da aprovação na Câmara Municipal e sanção pelo prefeito Geraldo Julio, a Prefeitura do Recife disponibilizará um investimento mensal de R$ 1,7 milhão oriundos do Tesouro Municipal para garantir a ampliação do acesso à educação dos jovens do município. A implementação do Passe Livre vai colaborar com a redução da evasão escolar, além de contribuir para economia das famílias de baixa renda, com a redução de R$ 567,60 de gasto por ano, ou R$ 47,52 por mês (meia passagem) por cada filho matriculado, o que se equipara a quase 80% de um salário mínimo.

“O Passe Livre é mais um compromisso tirado do papel. Tudo o que nos comprometemos com a população do Recife está sendo passo-a-passo realizado. Agora, os estudantes da rede municipal vão poder ter o acesso garantido ao trajeto das escolas e também ao lazer que desejarem nos fins de semana”, declarou o prefeito Geraldo Julio.

A matéria será encaminhada à Câmara dos Vereadores ainda nesta terça. De acordo com o Projeto de Lei, as passagens correspondem ao valor do Anel A (R$ 2,15), estando disponível para o uso apenas duas vezes por dia, nos dias úteis, e a partir da decisão do prefeito, também aos fins de semana. Cada estudante receberá do Executivo Municipal um cartão eletrônico com o benefício. O Passe poderá ser recarregado pelos alunos nas próprias unidades de ensino. A aquisição do crédito será feita pela PCR diretamente com a instituição representante do transporte coletivo, o Grande Recife Consórcio de Transporte, mediante a gerência da Secretaria de Educação do Município.

Para Jader Cleiton, presidente da União Metropolitana dos Estudantes Secundaristas, que participou do ato, esta vitória é resultado de uma luta de muitos anos do movimento estudantil. “Estamos muito felizes, porque essa conquista representa uma luta de muito tempo, de muitas mobilizações, reuniões, projetos, conversas com os governantes. Há 70 anos os movimentos sociais já pautavam o Passe Livre e hoje vemos isso começar a acontecer, e começar pela nossa cidade. O prefeito Geraldo Julio dá valor às reivindicações da classe estudantil e só temos que comemorar porque este ato vai contribuir fortemente para a formação dos jovens, para o acesso à escola e também às atividades culturais e de lazer”, pontuou. 

A iniciativa, que está no Programa de Governo de Geraldo Julio, visa garantir as condições para que os estudantes frequentem a sala de aula, através do benefício de ir para a escola e voltar para casa sem precisar pagar a passagem de ônibus e agora, também vai facilitar o deslocamento dos jovens para atividades diversas de lazer aos fins de semana.

De acordo com o secretário de educação, Jorge Vieira, este projeto complementa as iniciativas na área da educação da Prefeitura do Recife. “Temos uma política de atenção às escolas municipais, com melhorias estruturais, reformas de mais de cem escolas, projetos de robótica, distribuição de tablets para os alunos, entre outras tantas ações. Este é mais um ato que simboliza a importância da educação para esta gestão”, enfatizou o secretário. 

Informações: Prefeitura do Recife

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960