Em BH, Trânsito é caótico no primeiro dia útil de BRT Move na Av. Antônio Carlos

segunda-feira, 19 de maio de 2014

O trânsito está congestionado na manhã desta segunda-feira na em toda a extensão da Avenida Presidente Antônio Carlos, no primeiro dia útil de circulação do BRT/Move no corredor. Além disso, taxistas fazem uma carreata no sentido bairro/Centro. Os motoristas protestam contra o fechamento da busway para os táxis, que agora circulam na pista mista. O grupo vai seguir até o Centro e deve parar na porta da prefeitura, na Avenida Afonso Pena.

O ponto de maior lentidão está no trecho entre a nova Estação BRT Pampulha e a o câmpus da UFMG, no Bairro São Luiz. O reflexo da lentidão chega à Avenida Dom Pedro I. O movimento no terminal, inaugurado no sábado passado, também foi confuso na manhã de hoje. O situação é pior que a registrada no primeiro dia de funcionamento da Estação São Gabriel, quando o sistema foi aberto na Avenida Cristiano Machado. Ainda há obras no local, o que deixou passageiros confusos e a circulação de pessoas prejudicada.
A linha 50 (Estação Pampulha/Centro- Direta) está rodando da Estação Pampulha até o Centro, com paradas nas estações Carijós e Rio de Janeiro. A linha 51 (Estação Pampulha/Centro/Hospitais) tem paradas em 15 estações de transferência ao longo da Antônio Carlos. Depois segue para o Centro e vai para a área hospitalar. A linha 52 (Estação Pampulha/Lagoinha) parte da Estação Pampulha, para os pontos na Antônio Carlos e retorna no Complexo da Lagoinha. Neste primeiro momento da operação do BRT Move, oito linhas convencionais serão extintas (2212 A, B e C, 2213, 2215 A, B, C e D) e transformadas em sete linhas alimentadoras (614, 615, 616, 510, 645, 618 e 643).

A mudança significa menos 82 veículos circulando no horário de pico na Antônio Carlos. Em contrapartida, outras 30 linhas que continuam ativas e trafegavam na Antônio Carlos pela pista exclusiva passam a dividir espaço com os carros. Esse também é o caso dos táxis.

Por Luana Cruz
(Com informações de Guilherme Paranaíba)

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960