No Recife, Quando o transporte coletivo não tem prioridade

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Foto: Clayton Leal
Pode parecer piada, mais imagine100 pessoas para sair de casa, ou seja, vamos supor que devíamos ter pelo menos 02 portas onde passariam 05 pessoas em cada porta, ou seja, matemática simples e direitos iguais certo? Pois não é isso que está acontecendo com o trânsito no Recife.

O Blog Meu Transporte selecionou essa imagem para mostrar a real situação que se encontra o transporte público na cidade do Recife, ou seja, sem prioridades.

Estudos e pesquisas já comprovaram que o transporte coletivo transporta mais de 70% da população, ou seja, se formos levar isso em consideração, podíamos então subentender que está via na foto com cinco faixas deveria no mínimo ter 02 faixas para ônibus, porém não é isso que acontece, pelo contrário, nesta via existia uma faixa preferencial para ônibus, na qual com o passar dos tempos foi abandonada pela Prefeitura do Recife, e a única das cinco faixas destinadas aos ônibus também foi invadida pelos carros.
Na foto é possível vê pelo menos 08 carros na frente dos coletivos, na qual deixam usuários em pé e de certa forma prejudicados, e se formos levar que todos nós somos iguais e temos os mesmos direitos, então chegamos ao resultado que o trânsito nesta avenida como em outras da cidade é inconstitucional, pois os mais fracos estão de certa forma sendo prejudicados.

Esse é o retrato da cidade nos últimos anos, pois as pessoas só vão deixar o carro em casa se o transporte público valer à pena, porém se um cidadão está no engarrafamento e o ônibus também estar, no que vai adiantar ele deixar o carro em casa, melhor é ficar no engarrafamento dentro de um carro, com ar condicionado e um som ligado, do que ficar neste mesmo engarrafamento dentro do ônibus lotado.
É preciso coragem para enfrentar o problema da mobilidade na cidade e dá preferência ao transporte público, pois ultimamente só estamos vendo discursos e mais discursos e nada de ações para mudar de fato a eficiência do transporte público na região metropolitana do Recife.

Blog Meu Transporte

1 comentários:

Wilson disse...

Era exatamente isso que falo sempre!!!! Finalmente alguém entendeu....Podem fazer propaganda,estudos técnicos,dia sem carro(grande piada aqui no Brasil), discussões e mais discussões e etc...Não adianta,se não tiver um transporte público de qualidade, confortável,ar-condicionado, rápido e principalmente corredores exclusivos de ônibus com real fiscalização,até transporte público fluvial seria uma ideia inteligente à ser usada,mas nem isso!!!! À copa do mundo está vindo aí,temos menos de 02 anos,tudo isso está muito estranho,será que tudo isso(projetos e execução)vai estar prontos até à copa???? SE TIVER VONTADE POLITICA,AÍ SIM EU ACREDITO!!!! TUDO É VONTADE POLITICA.....

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960