Governador do Rio admite hipótese de ampliar tempo de uso de Bilhete Único

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

O governador Sérgio Cabral (PMDB) admitiu nesta terça-feira (2) que o tempo de utilização do Bilhete Único poderá ser ampliado após os dois primeiros meses de uso do sistema, que começou a ser aplicado nesta segunda-feira (1).De Madri, onde está em missão oficial, Cabral disse que o novo sistema está em análise e que após esse período o governo vai torná-lo mais adequado aos usuários.
- Nós faremos tudo o que for preciso para melhorar o Bilhete Único. Nosso objetivo é fazer do sistema um instrumento de emancipação, de tranquilidade na vida das pessoas na região metropolitana. Agora, estamos em um período de análise, mas, em cerca de dois meses, vamos tomar decisões que podem incluir a ampliação do tempo. Eu peço que a população nos auxilie a encontrar o melhor padrão possível.
O Bilhete Único é um sistema de transporte em que, num intervalo de duas horas, os usuários podem usar um transporte intermunicipal e outro dentro da capital -trens, metrô, ônibus, vans (regularizadas) - pagando R$ 4,40. Mesmo que o preço dos meios utilizados ultrapasse esse valor, será descontado somente R$ 4,40.Cabral afirmou que em duas horas o sistema é capaz de atender 80% dos moradores da região metropolitana.
Na segunda-feira, os usuários de transporte coletivo intermunicipal ainda demostravam não acreditar que em duas horas seja possível trafegar de casa ao trabalho, ou vice-e-versa, pelo novo sistema.
- As parciais mostram que são mais de 200 mil pessoas usando o sistema e, segundo o secretário de Transportes, Júlio Lopes, as reclamações, pontuais, não chegaram a 200 no primeiro dia. O bilhete acaba com a aflição de quem mora distante do trabalho.
  • Na Central do Brasil, alguns passageiros elogiaram o Bilhete Único. Mas outros reclamam que o novo sistema ainda não é aceito por algumas linhas. A Secretaria de Transportes vai analisá-lo melhor.
READ MORE - Governador do Rio admite hipótese de ampliar tempo de uso de Bilhete Único

Recarga do bilhete único do Metrô será de R$2,55 até o dia 08/02


Os passageiros que fizerem a recarga nos seus cartões de bilhete único até as 23h59 do dia 8 deste mês pagarão o valor atual da tarifa do metrô e do trem (R$ 2,55) até os créditos se esgotarem.
Usando esses transportes durante 30 dias (ida e volta), a economia final será de mais de duas passagens ou R$ 6.
Para o ônibus, o valor cobrado já será R$2,70. O valor máximo da recarga é de R$ 200.
O bilhete único pode ser reabastecido em 6 mil postos de venda de toda a cidade, espalhados em terminais de ônibus, estações do Metrô e da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), lotéricas e outros pontos comerciais ou pela internet (www.sptrans.com.br), no link "compra e recarga". O procedimento vale também para outros cartões, como o Fidelidade e o Bilhete Lazer, ambos do Metrô.

O aumento de 3,9% nas tarifas do metrô e dos trens da CPTM entra em vigor a partir do dia 9 deste mês. Com o valor subindo de R$ 2,55 para R$ 2,65, o metrô vai custar menos ao usuário do que o ônibus - transporte que sofreu o último reajuste, de 17,4%, no início de janeiro, chegando a R$ 2,70.
O governo estadual diz que o reajuste usa como referência o IPC/Fipe, mas que o aumento foi inferior à inflação acumulada entre fevereiro de 2009 e janeiro de 2010, um total de 4,4%. Desde o dia 4 de janeiro, os paulistanos também pagam mais para andar nos ônibus da capital paulista. A tarifa definida pela Prefeitura de São Paulo subiu de R$ 2,30 para R$ 2,70. Nesse caso, o aumento foi de 17,4%.

Click here for Myspace Layouts
READ MORE - Recarga do bilhete único do Metrô será de R$2,55 até o dia 08/02

Prefeitura de São Paulo projeta 33 km de linhas de monotrilho para implantação na Capital


Prefeitura de São Paulo junto à Secretaria Municipal de Transportes (SMT) projetam 33 km de linhas de monotrilho para implantação na Capital, com o objetivo de ampliar a capacidade do Sistema Municipal de Transporte Coletivo, garantindo segurança e conforto aos passageiros, independentemente das condições do trânsito.
O trecho 1, que ligará o Jardim Ângela ao Terminal Santo Amaro, deverá ser entregue em 2012 e seguirá um traçado alternativo ao do atual corredor de ônibus da Estrada do M'Boi Mirim, que será mantido e requalificado. Esse trajeto terá cerca de 11 km de extensão e será construído com recursos próprios da Prefeitura da Cidade e da SMT. Mais três trechos estão previstos no Monotrilho M' Boi Mirim.
O monotrilho é um tipo de metrô leve, que utiliza pneus em vez de rodas de ferro e trafega sobre um trilho único, metálico ou de concreto. Pode usar trens de quatro, seis ou oito carros, de acordo com a demanda. Esses trens são mais leves e silenciosos do que os do metrô, e atingem velocidades de até 80 km/h.
Diversos aspectos levaram à escolha dessa tecnologia como a capacidade de atender regiões com difícil relevo e alta densidade populacional, sua estrutura leve gera pouco impacto urbano, permite a integração com outros meios de transporte, é movido a energia elétrica, não polui o ar e é extremamente silencioso.
Atualmente, 25 mil passageiros são transportados por hora no Corredor da Estrada do M´Boi Mirim, a bordo dos 300 ônibus que passam a cada 60 minutos. Com o monotrilho, o tempo gasto no trajeto deve cair pela metade, e não sofrerá variações ao longo de todo o dia.
READ MORE - Prefeitura de São Paulo projeta 33 km de linhas de monotrilho para implantação na Capital

Recife: Mais mudanças de itinerários devido ao carnaval


A rua do Sol, um dos principais pontos de animação do carnaval em Recife, será interditada para a montagem de camarotes. E, em virtude dessa alteração, o Grande Recife Consórcio de Transporte irá alterar provisoriamente o itinerário de 22 linhas de ônibus que trafegam no local, a partir do início da operação dessa sexta-feira (05/02).

A interdição irá acontecer ao lado dos Correios. As linhas que tem ponto de retorno na Rua do Sol (Grupos 1 e 2 – quadro abaixo), terão seus pontos de parada provisório na avenida Dantas Barreto (Pista Oeste), parada Provisória – em frente à Gelattos Sucos e Lanches e parada Provisória – ao lado do nº 210/Padaria Pan Shop, respectivamente.

Já os grupos de linhas 3 e 4 terão como ponto de embarque e desembarque a parada provisória instalada na rua do Hospício parada Provisória – em frente ao no 333/Lojas Tropical. Os grupos de linhas 5 e 6 terão pontos de parada provisório na Av. Dantas Barreto (Pista Oeste) ao lado do nº 910, Loja Betsalem.

Confira as mudanças:
1 – Linhas:
314 – MANGUEIRA
714 – ALTO JOSÉ BONIFÁCIO (AV. NORTE)
731 – BEBERIBE (ESPINHEIRO)
843 – ALTO DA BONDADE (VILA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO)
847 – ALTO NOVA OLINDA
915 – PE-15 (RUA DO SOL)

Alteração de Itinerário Sentido : Subúrbio/Centro ...Rua Princesa Isabel, Ponte Princesa Isabel, Praça da República, Av. Dantas Barreto (Pista Oeste) (Parada Provisória – em frente à Gelattos Sucos e Lanches), Rua Siqueira Campos, Rua Cleto Campelo, Av. Guararapes, Ponte Duarte Coelho...

2 – Linhas:
972 – BULTRINS
974 – JARDIM ATLÂNTICO
979 – PAULISTA (RUA DO SOL) - EXPRESSO
987 – RIO DOCE (PRÍNCIPE)
994 – CONJUNTO BEIRA MAR

Alteração de Itinerário Sentido : Subúrbio/Centro ...Rua Princesa Isabel, Ponte Princesa Isabel, Praça da República, Av. Dantas Barreto (Pista Oeste) (Parada Provisória – ao lado do nº 210/Padaria Pan Shop), Rua Siqueira Campos, Rua Cleto Campelo, Av. Guararapes, Ponte Duarte Coelho...

3 – Linhas:
532 – CASA AMARELA (CABUGÁ)
632 – ALTO DO REFÚGIO
742 – LINHA DO TIRO
841 – NOVA OLINDA
983 – RIO DOCE (PRINCESA ISABEL)
992 – PAU AMARELO

Alteração de Itinerário Sentido : Subúrbio/Centro ...Rua do Hospício (Parada Provisória – em frente ao no 333/Lojas Tropical), Av. Conde da Boa Vista, Ponte Duarte Coelho, Rua do Sol...

4 – Linhas:
039 – SETÚBAL (PRÍNCIPE)
116 – CIRCULAR (PRÍNCIPE)
191 – RECIFE/PORTO DE GALINHAS (N. SENHORA DO Ó)–VIA PRÍNCIPE

Alteração de Itinerário Sentido : Subúrbio/Centro ...Rua do Príncipe, Rua do Hospício (Parada Provisória – em frente ao no 333/Lojas Tropical), Av. Conde da Boa Vista, Ponte Duarte Coelho, Rua do Sol...

5 – Linha:
191 – RECIFE/PORTO DE GALINHAS (N. SENHORA DO Ó) – VIA TERMINAL SANTA RITA
Alteração de Itinerário Sentido: Centro/Subúrbio ...Av. Martins de Barros, Rua Siqueira Campos (Parada Provisória – em frente ao Banco Real), Av. Dantas Barreto (Pista Leste), Av. Dantas Barreto (Pista Oeste) (Parada Provisória – ao lado do nº 910, Loja Betsalem), Av. Sul...

6 – Linha:
164 – CONJUNTO MARCOS FREIRE

Alteração de Itinerário Sentido: Centro/Subúrbio ...Av. Martins de Barros, Rua Siqueira Campos, Av. Dantas Barreto (Pista Leste), Av. Dantas Barreto (Pista Oeste) (Parada Provisória – ao lado do nº 910, Loja Betsalem), Rua São João, Rua da Concórdia, Rua Barão da Vitória, Rua Seis de Março, Ponte Seis de Março...
READ MORE - Recife: Mais mudanças de itinerários devido ao carnaval

Grande Vitória: Começou o cadastramento de estudantes para o passe escolar


O cadastramento e o recadastramento de estudantes para obtenção dos cartões Passe Escolar e Estudante Gratuito, destinados a alunos que estudam a mais de um quilômetro da escola, terão alterações. Para facilitar o atendimento, o Sindicato das Empresas de Transporte Metropolitano da Grande Vitória (GVBus) criou vários postos na Grande Vitória.

A novidade é que o cadastramento para quem ainda não possui os cartões de Passe Escolar ou Estudante Gratuito poderá ser feito nos terminais Campo Grande, em Cariacica, Ibes, em Vila Velha, e Laranjeiras, em Serra; no posto de atendimento da Ufes e na Loja Central dos Estudantes.

Os alunos que já possuem o cartão Passe Escolar do Transcol farão o recadastramento na Loja Central dos Estudantes, que fica na Avenida Nossa Senhora da Penha (Reta da Penha), no Edifício Century Tower, próximo à Caixa Econômica Federal.

Já quem possui o cartão Estudante Gratuito, exclusivo para estudantes de ensino médio das redes públicas estadual e federal, deverá se recadastrar no posto de atendimento da Ufes, em Goiabeiras, próximo ao Cine Metrópolis.

A estimativa do GVBus é de que cerca de 70 mil estudantes, que usam o Transcol, farão o cadastramento ou recadastramento. Antes de se dirigir aos postos de atendimento é importante que o aluno preencha a ficha entregue pela escola.

A escola também deve estar com o cadastro atualizado no GVBus para pegar as fichas que serão entregues aos alunos. Basta a instituição procurar a Agência Central da entidade, também na Reta da Penha.

Até o dia 30 de abril de 2010, o atendimento aos alunos será realizado nos postos de cadastramento de segunda à sexta-feira, de 8h às 16h30. Mais informações podem ser obtidas junto ao Serviço de Atendimento ao cliente do GVBus, pelo telefone 2122-0233.
READ MORE - Grande Vitória: Começou o cadastramento de estudantes para o passe escolar

No Rio, Cães farejadores vão acompanhar policiais em operações em ônibus

Em Botafogo, uma nova operação policial para combater roubos em ônibus. A PM vai usar cães farejadores para detectar armas, drogas e munições. Os animais não oferecem perigo às pessoas de bem. Reportagem do RJTV 2.

READ MORE - No Rio, Cães farejadores vão acompanhar policiais em operações em ônibus

DF: Passageiros reclamam dos terminais de ônibus

O piso do ônibus que faz a linha Santa Maria/Plano Piloto estava solto. Bastou a TV Globo mostrar e uma semana depois veio a resposta: o ônibus foi consertado e outros 20 foram substituídos.Agora, até o Sindicato dos Rodoviários reconhece. “A situação era precária. A frota era toda vencida e os passageiros ficavam mais na rua do que no serviço. Agora está bom. É difícil ver ônibus na rua”, diz o diretor do sindicato Ériton Ribeiro.
Mas esse não era o único problema enfrentado por quem precisa de ônibus em Santa Maria. A área era para ser um terminal, mas está sem cobertura, sem lugar para sentar e banheiros decentes.“Às vezes, a gente chega já quase no horário de embarcar e ainda tem que esperar quem está no banheiro sair para poder entrar. Fica aquela correria. É muito difícil trabalhar com o terminal nessas condições”, reclama o cobrador Josenildo Alves.
Para piorar, ao lado dos banheiros é onde motoristas e cobradores esperam a hora do ônibus sair. E quando sai. O estacionamento está cheio de buracos e em época de chuva quase sempre tem ônibus atolado. “É um problema nesse terminal. Na chuva é essa buraqueira sempre”, reclama outro usuário.
E se a chuva atrapalha a saída dos ônibus, imagine o sofrimento dos passageiros. A alternativa é esperar do outro lado da pista, na lanchonete, que também é refúgio para esconder da poeira. “Quando passa um vento muito forte, a poeira sobe e o pessoal corre pra cá. Tenta se esconder dentro da loja, mas não adianta muito”, revela o comerciante Waldecir Lopes. O dono da lanchonete até providenciou uma pequena cobertura e bancos. Mas a maioria fica em pé por falta de espaço. “Isso aqui pra ser um terminal, teria que ser melhor. Algo mais adequado para os passageiros. Afinal, a gente também é gente”, fala o montador Antônio Silva.
A resposta do DFTrans é de que os dois terminais de Santa Maria serão reformados ainda este ano. Os projetos já estão prontos. “Eu acredito que mais uns dois meses o edital deverá estar na rua para ser feita a contratação de empresas. Depois da homologação da licitação e a assinatura de contração, são oito meses de construção para poder entregar a obra pronta e funcionando”, afirma José Antônio Caramori, do DFTrans.
READ MORE - DF: Passageiros reclamam dos terminais de ônibus

Distrito Federal: Obras do VLT serão retomadas


O Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) derrubou nesta segunda-feira (1º/2) a liminar que suspendia as obras do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) . De acordo com decisão do tribunal, a suspensão das obras causaria lesão "ao hoje já caótico sistema de trânsito do Distrito Federal, especialmente tratando-se de iniciativa voltada à implantação de meio de transporte coletivo".

A liminar, concedida no último dia 27, determinava, também, o bloqueio de todos os valores empenhados às empresas do consórcio Brastram, responsável pelas obras, cujas notas ainda não tivessem sido liquidadas. Os processos de empréstimo firmados pelo Distrito Federal com a Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD) e com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) também estavam congelados.Com a nova decisão do tribunal as obras do VLT são retomadas nesta terça-feira (2/2), bem como os processos de empréstimo.

"Agora é importante uma conscientização de que essa obra é boa para a cidade", afirmou o procurador-geral do DF, Marcelo Galvão. O pedido de liminar foi feito em ação civil pública proposta pelo Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT).

A Promotoria alega que o edital de pré-qualificação e contrato são ilegais, porque a concorrência pública foi iniciada antes de o projeto básico da obra ter sido concluído. Além disso, não haveria previsão orçamentária no Plano Plurianual (PPA) ou na Lei Orçamentária Anual (LOA).

"Tinha certeza que a Justiça teria que rever essa decisão, até porque não cometeríamos uma irresponsabilidade dessas de assumir uma obra desse porte sem ter dinheiro para isso", afirmou o secretário de Transportes, Alberto Fraga.
READ MORE - Distrito Federal: Obras do VLT serão retomadas

Sistema de Transporte Coletivo Urbano de João Pessoa avançou e se modernizou nos últimos cinco anos


Investimentos em tecnologia de ponta, a exemplo da bilhetagem eletrônica, que permitiu a implantação da integração temporal e, mais recentemente, metropolitana, a aquisição de modernos e novos ônibus, que poluem menos e são mais confortáveis, incluindo os veículos eficientes equipados com elevadores, são alguns dos avanços do sistema de transporte coletivo de João Pessoa.
Implantadas em parceria entre a atual administração municipal e as seis empresas de ônibus que atuam na cidade (Transnacional, Reunidas, Mandacaruense, São Jorge, Marcos da Silva, Boa Viagem), nos últimos cinco anos, todos esses investimentos resultaram na otimização dos serviços de transporte público da capital paraibana, que já era referência não só no Nordeste brasileiro, mas também em nível nacional como um dos mais eficientes sistemas urbanos do país.

“Os últimos cinco anos foram bastante significativos em termos de evolução do sistema de transporte público da cidade e isso só foi possível porque estabelecemos com o empresariado local uma relação de parceria cujo foco é a melhoria da prestação de serviço”, argumenta o prefeito Ricardo Coutinho.

Ele cita como marco desta evolução a implantação do Terminal de Integração de Passageiros. “Em apenas 100 dias de governo conseguimos inaugurar o terminal físico, pouco tempo depois implantamos a bilhetagem eletrônica que possibilitou a integração temporal e agora a metropolitana, reduzimos a idade média da frota de 7 anos para 3,8 anos, colocando em circulação entre 2005 e 2009, 319 novos ônibus, o equivalente a 65% da frota, além da ampliação de 21 para 89 do número de ônibus eficientes na cidade e agora estamos implantando o monitoramento da frota, isso tudo de 2005 para cá”, argumenta o prefeito, que diz que os avanços nesta área não podem cessar. No último dia 13, foram colocados em circulação outros 33 veículos zero quilômetro, todos com elevadores, sendo três deles articulados.

Além da renovação da frota as empresas de ônibus que atuam na capital investiram em outros benefícios em prol da agilidade, comodidade e segurança dos passageiros de ônibus de João Pessoa.

“A Integração Temporal, que garante aos passageiros que têm o cartão passe-legal pegar um segundo ônibus, durante um determinado espaço de tempo, sem pagar a segunda passagem nos ônibus da cidade, bem como a Integração Metropolitana, que possibilita um desconto de 50% na passagem do segundo ônibus foram avanços significativos e que foram implantados em tempo recorde”, destaca o diretor executivo da Associação das Empresas de Transportes Coletivos Urbanos de João Pessoa (AETC-JP), Mário Tourinho.

Outra tecnologia que vem sendo adotada em benefício da população são as câmeras no interior dos ônibus, que inibem a ação de criminosos. E apesar de todos esses investimentos realizados nesses últimos cinco anos, João Pessoa continua com a uma das menores tarifas do país (R$ 1,90), sendo a 4ª menor do Brasil. “Isso é um feito que merece destaque, tendo a população como principal beneficiada”, lembra Mário Tourinho.

“Com essas ações procuramos melhorar, cada vez mais, o padrão do sistema operacional que conquistamos, uma vez que disponibilizamos uma frota cuja idade média é a mais nova do Nordeste e uma das mais eficientes do país, além de investir constantemente nos nossos operadores em termos de qualificação para sempre prestarmos um bom e eficiente serviço aos nossos usuários”, complementa Mário Tourinho.
READ MORE - Sistema de Transporte Coletivo Urbano de João Pessoa avançou e se modernizou nos últimos cinco anos

Em Fortaleza, Sistema fiscaliza ônibus nos terminais


Acompanhamento via satélite verifica localização e velocidade dos ônibus, apontando possíveis alteraçõesNum dia, o ônibus queima a parada; em outro, o motorista está muito apressado e excede a velocidade, quando não demora demais a chegar. Todos esses transtornos podem agora ser evitados se a população registrar suas reclamações.

É que um sistema de monitoramento está sendo implantado nos terminais de ônibus de Fortaleza para acompanhar qualquer alteração de rota ou anormalidade durante as viagens.Além disso, o sistema permite o armazenamento de dados por um longo tempo. O passageiro pode reclamar sobre fatos que tenham ocorrido até uma semana atrás.

De acordo com a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), a maioria das demandas dos usuários é relativa a excesso de velocidade e queimas de parada, ou seja, quando os motoristas ignoram as solicitações dos passageiros nos pontos de espera.

Operando desde ontem numa sala no Terminal do Papicu, o sistema funciona sem interrupção e é acompanhado por uma equipe de 11 funcionários, em regime de revezamento. Como já foi testado no Terminal da Parangaba, desde novembro do ano passado, alguns resultados já foram colhidos.

São, em média, 150 reclamações mensais, que podem ser feitas por telefone ou pessoalmente aos fiscais. O recurso será estendido a todos terminais até o fim do ano. O próximo ponto será o Terminal de Antônio Bezerra.
READ MORE - Em Fortaleza, Sistema fiscaliza ônibus nos terminais

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960