Porto Alegre: Cartão Tri escolar já pode ser renovado

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010


Estudantes e professores que usam o transporte público de Porto Alegre já podem solicitar renovação do Tri escolar para o ano letivo de 2010. O cartão garante o benefício de 50% de desconto no valor da tarifa nos ônibus da Capital. Ano passado, o Tri escolar beneficiou um total de quase 130 mil estudantes e professores.
Para renovar - Os usuários deverão fornecer às entidades representativas o atestado escolar, original ou cópia do comprovante de matrícula 2010 autenticado pela instituição de ensino (professores poderão fornecer cópia do contracheque recente), fotocópia do cartão Tri, preencher formulário e pagar a taxa com valor não superior a 12 passagens escolares. - O cartão é renovado em três dias. - Quem forneceu, em 2009, CPF do responsável e já possui CPF próprio, deve fornecer cópia do documento no ato da renovação. - Mais informações: 3221-3099 ou 3221-5699.
Para fazer novo cartão - Estudantes devem fornecer à entidade representativa uma foto 3x4 atual, cópia da carteira de identidade, apresentando a original (a apresentação da certidão de nascimento é opcional para menores de 18 anos), atestado escolar original ou cópia do comprovante de matrícula 2010 autenticado pela instituição de ensino, comprovante de residência, cópia do CPF (menor de 18 anos que não possuir esse documento deverá fornecer cópia do CPF da mãe, do pai ou do responsável legal) e preenchimento da ficha de inscrição de beneficiário. - Professores devem fornecer cópia da identidade profissional (diploma, carteira do Mec ou carteira de trabalho comprovando a condição de professor) e comprovar o não recebimento de vale-transporte por intermédio de cópia do contracheque recente ou atestado emitido pelo estabelecimento de ensino. - A taxa de confecção a ser paga na entidade não será superior a 12 passagens escolares. O cartão Tri escolar estará disponível na entidade sete dias após o cadastramento.

READ MORE - Porto Alegre: Cartão Tri escolar já pode ser renovado

João Pessoa tem a menor tarifa de ônibus entre 22 capitais


O pessoense paga a menor tarifa de ônibus entre 22 capitais brasileiras e mais o Distrito Federal. O valor da passagem dos coletivos só é menor em Teresina (PI), Recife(PE), São Luís (MA), que a idade da frota é de 7,5 anos, e Fortaleza (CE), onde a tarifa é subsidiada, ou seja, conta com incentivos do município e estado. Em Rio Branco (AC) o valor pago pelos usuários dos ônibus é igual ao cobrado em João Pessoa, que é de R$ 1,90.
A gestão municipal pessoense, segundo destacou a superintendente da STTrans, Laura Farias, conseguiu equilibrar o sistema de transporte coletivo e sempre concede o aumento mediante assinatura de termos de compromisso, onde as empresas assumem a obrigação de promover melhorias no sistema. “Uma das principais preocupações da atual gestão foi promover a renovação da frota de ônibus de João Pessoa, isso para proporcionar um serviço de qualidade à população, que passou a contar com veículos mais novos e com maior acessibilidade”, disse.

Segundo a superintendente, um aspecto que deve ser levado em consideração é que hoje João Pessoa possui a frota mais nova de ônibus entre 18 capitais brasileiras e o Distrito Federal. “A média de idade dos coletivos de João Pessoa é de 3,8 anos, ficando abaixo da média nacional que é de 5,5 anos”, destacou. Para o pessoense, a vantagem da baixa idade da frota de seus ônibus reflete na melhor acessibilidade aos passageiros, como portas mais largas, cadeiras diferenciadas, destinadas a gestantes e obesos, corrimões especiais para deficientes visuais e sinal de parada com escrita em braile, além de dispositivo que só possibilita a partida após o fechamento das portas.
Em Fortaleza, o preço da passagem é subsidiada, ou seja, conta com o dinheiro público por parte da Prefeitura Municipal e do Governo do Estado. Neste caso é a população quem acaba pagando essa diferença no valor da tarifa, pois o subsídio é feito com dinheiro do contribuinte. Em 2006, a gestão daquele município reduziu o Imposto sobre Serviços (ISS) das empresas de ônibus pela metade, de 4% para 2%, e extinguiu a taxa de gerenciamento do serviço. Dois anos depois o governo estadual reduziu de 17% para 8,5% o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).
Já em Recife o valor da tarifa varia de acordo com a distância percorrida. A cidade foi dividida em quatro anéis, por isso, no município vigoram quatro tarifas diferentes, que são R$ 1,20, R$ 1,85, R$ 2,25 e R$ 2,80.

Desde o último dia 4 passou a vigorar uma nova tarifa em João Pessoa. O valor da passagem de ônibus sofreu um reajuste de 5,5%, saindo de R$ 1,80 para R$ 1,90. Para se chegar ao novo valor foram levados em consideração dados operacionais, os custos do sistema e o índice de passageiro equivalentes do sistema. Outro aspecto considerado na hora de calcular o reajuste foi o Termo de Compromisso, celebrado entre a STTrans e as empresas operadoras do sistema de transportes públicos. Nele, Poder Público e empresas se comprometem a promover melhorias para os usuários de transportes coletivos.
READ MORE - João Pessoa tem a menor tarifa de ônibus entre 22 capitais

Aracajú: Nova tarifa pode chegar a R$ 2,20

O presidente do Setransp, Carlos Amâncio, anunciou na manha desta quarta-feira (06), que a tarifa do transporte coletivo de Aracaju pode ser reajustada ainda no mês de janeiro e que o preço pode chegar a R$ 2,20. Carlos Amâncio disse em entrevista à radialista Magna Santana, no programa Liberdade sem Censura, apresentado por George magalhães, que esse reajuste deveria ser anunciado em 2009.
Amâncio explicou que o preço está defasado e para que o transporte continue com qualidade, é preciso o reajuste. Para ele, alem disso, as empresas fizeram um grande investimento no sentido de renovar a frota e para manter essa qualidade, é preciso que o reajuste aconteça.
O presidente do Setransp disse também que a proposta será entregue à prefeitura de Aracaju ainda na primeira quinzena do mês de janeiro, para que a Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito faça o estudo da planilha que será apresentada.
Após a entrevista de Carlos Amâncio, o superintendente da SMTT, Antonio Samarone, disse que até o momento, os empresários não enviaram a proposta. Ele garantiu que o prefeito Edvaldo Nogueira irá conceder o reajuste que é previsto em lei, porem segundo Samarone, isso irá acontecer após um rígido estudo, no sentido de atender os empresários do setor, mas sem prejudicar o usuário do transporte.
READ MORE - Aracajú: Nova tarifa pode chegar a R$ 2,20

A polêmica do aumento nas passagens de ônibus em Uberaba continua


O reajuste de 15,78% sobre as passagens do transporte coletivo em Uberaba ainda promete muitos desdobramentos judiciais. O advogado Adriano Espíndola já estuda um novo processo para questionar o aumento em vigor desde segunda-feira (4) no município. Para ele, o valor de R$ 2,20 eleva o preço da tarifa para níveis de grandes capitais.Como foi proposta a ação popular pelo advogado Marcelo Henrique Martins, na quinta-feira (31), o ajuizamento da ação cível coletiva deverá ocorrer somente no final de janeiro.

Segundo o advogado, o Ministério Público também deverá questionar o reajuste aplicado pelo Município para corrigir os valores das tarifas de ônibus com a retomada das atividades forenses. Adriano Espíndola explica que um dos principais questionamentos em relação ao reajuste está atrelado ao processo licitatório - concluído no final de 2009. "É totalmente estranho que a passagem seja reajustada antes de um ano que as empresas Líder e Piracicabana assumiram o serviço", revela.

Conforme esclarece, a nova ação está sendo elaborada por alguns sindicatos e pela Coordenação Nacional de Lutas (Conlutas). Antes de tomar qualquer medida judicial, o advogado vai aguardar a manifestação do juiz Lúcio Eduardo de Brito, da 1ª Vara Cível, sobre o pedido de liminar para a suspensão do reajuste feito na ação popular. Adriano Espíndola ainda avalia que a ação popular não é a via adequada para reverter o aumento da tarifa do transporte coletivo. "Como o objeto da ação é a proteção do patrimônio público, o reajuste da passagem, ainda que entenda como ilegal, não deveria ser questionado por ação popular", avalia.

Ele não poupa o prefeito Anderson Adauto (PMDB), que instituiu o novo valor através de um decreto publicado no dia 30 de dezembro no Porta-Voz. Para o advogado, a solução encontrada por AA é inadequada para sanar o problema do transporte público de Uberaba.

O advogado defende a criação de uma empresa municipal de transporte coletivo. Aliás, a proposta foi levada para a campanha eleitoral de dezembro de 2008, quando disputou as eleições para prefeito pela coligação "Frente de Esquerda dos Trabalhadores", composta pelas legendas PSTU e Psol. Ele também se mostra indignado com a atuação das empresas em Uberaba. "A ocorrência de acidentes está generalizada. Os motoristas fazendo o serviço de cobrador. É um verdadeiro absurdo", destaca.
READ MORE - A polêmica do aumento nas passagens de ônibus em Uberaba continua

Briga entre empresas causa confusão em rodoviária de Brasília


Fila, buzinaço, congestionamento, confusão. Foi esse o cenário encontrado por quem passou pela via N1, na altura da Rodoviária do Plano Piloto, entre 7h e 9h desta quarta-feira (6/1). Os transtornos foram ocasionados por excesso de ônibus. Isso porque três linhas iguais são operadas por duas empresas, a Riacho Grande e a Planeta. A última delas está irregular.

De acordo com funcionários da Viação Riacho Grande, a empresa tem direito às linhas 107, 114 e 116 (confira, abaixo, o itinerário detalhado) há 11 anos. Ao todo, 23 ônibus ficam responsáveis pela operação dos trajetos. Apesar disso, outros 23 carros da Viação Planeta operam as mesma linhas, desde a última sexta-feira (1/1). Foi isso que provocou a confusão desta manhã na rodoviária. Por conta da grande quantidade de ônibus, filas foram formadas e, como muitos veículos chegaram no mesmo horário, houve disputa por vagas nos boxes.

A Viação Planeta recebeu autorização do Transporte Urbano do Distrito Federal (DFTrans), responsável pela coordenação do transporte urbano do DF, para começar a operar as linhas disputadas a partir de 1 de janeiro. No entanto, a concessão foi suspensa neste mesmo dia. De acordo com o DFTrans a decisão foi tomada porque se verificou a necessidade de fazer um estudo de viabilidade para a operação da empresa.
Apesar disso, a Planeta rodou com 23 ônibus nessas linhas. A reportagem do correiobraziliense.com.br entrou em contato com a Planeta, via assessoria de imprensa, mas a empresa ainda não apresentou um posicionamento sobre o ocorrido. Segundo o DFTrans, a Viação Planeta opera de forma irregular e a punição já é aplicada. Até esta terça-feira (5/1), 10 dos veículos destinados às linhas em questão já haviam sido apreendidos e levados ao depósito do Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF).

Nesta quarta, foram mais seis, em um total de 16 veículos impedidos de circular. O DFTrans garante que a fiscalização vai continuar. O DFTrans informa, ainda, que o secretário Alberto Fraga pediu um estudo técnico para avaliar a possibilidade as duas empresas operarem as linhas. Porém, enquanto o estudo não ficar pronto, somente a Riacho Grande tem autorização para fazer os trechos.
READ MORE - Briga entre empresas causa confusão em rodoviária de Brasília

Procuradoria de Joinville vai à Justiça para manter passagem de graça para idodos entre 60 e 64 anos

A Prefeitura de Joinville recorrerá à Justiça para tentar evitar a suspensão da gratuidade da passagem de ônibus para pessoas entre 60 e 64 anos a partir de segunda-feira. Além disso, deve reunir-se ainda esta semana com a Gidion e a Transtusa, concessionárias do transporte coletivo, para discutir maneiras de reduzir custos que as empresas têm com a concessão do benefício.
O procurador do município, Naim Tannus, admite que o benefício deve ser suspenso a partir do dia 11 de janeiro. Mas Tannus garante que a Prefeitura fará o possível para retomar o benefício e criar outros, como o passe livre aos domingos. Como o Tribunal de Justiça entrou em recesso e funciona em regime de plantão, Tannus reclama que não teve acesso ao conteúdo da decisão de suspender o benefício, o que dificulta a defesa.
READ MORE - Procuradoria de Joinville vai à Justiça para manter passagem de graça para idodos entre 60 e 64 anos

Cadastramento para Passe Livre do Estudante começaram nesta quinta no Paraná

A Secretaria de Transportes começa a cadastrar, na quinta-feira (7), as solicitações para o benefício do Passe Livre do Estudante durante o ano de 2010. O cadastramento será realizado no segundo piso Terminal Rodoviário Jamil Jossepetti, das 9 às 15 horas, até o dia de 31 de março.
O cartão do Passe Livre é concedido para estudantes matriculados no ensino fundamental, médio ou superior das redes públicas e particular. Para ter direito à utilização do cartão magnético do Passe Livre nos ônibus de transporte coletivo do município o aluno deve residir a uma distância mínima de 1.500 metros da instituição escolar.
O secretário dos Transportes, Walter Guerlles, explica que, a partir desta quinta, o atendimento será somente para quem ainda não conta com o benefício. “Este primeiro atendimento é para cadastrar os estudantes que ainda não possuem o cartão magnético. Vale lembrar que os cartões são confeccionados por ordem de chegada, por tanto quem solicitar primeiro vai usufruir o benefício antes”.Para se cadastrar o aluno deve portar os seguintes documentos: declaração da matrícula escolar, comprovante de residência, documentos pessoais como carteira de identidade ou certidão de nascimento. Caso seja menor de 18 anos, deve ir acompanhado pelos pais ou responsável. A foto digital do aluno será tirada no ato da entrega dos documentos, sem custo.RecargaOs alunos que não entregaram os cartões no último dia de aula, na instituição de ensino onde estudam, devem solicitar sua recarga a partir do dia 14 de janeiro também no segundo piso da rodoviária. Para obter a recarga basta levar o cartão magnético e a declaração de matrícula original. Em caso de mudança de endereço, é preciso levar uma fotocópia de comprovante de residência, declaração de matrícula, além da possível necessidade de alteração da linha do transporte coletivo, que é definida pelo aluno.
O secretário faz um alerta para o prazo de entrega do cartão. “O prazo previsto em lei para a confecção e entrega dos cartões magnéticos é de 30 dias úteis a partir da data de solicitação. Mas trabalhamos para sempre beneficiar o aluno e todos os anos entregamos os cartões antes do prazo, procurando garantir o benefício já no primeiro dia de aula”, comenta Guerlles.
READ MORE - Cadastramento para Passe Livre do Estudante começaram nesta quinta no Paraná

Obras na Marginal Tietê alteram itinerários de linhas de ônibus


Em função do bloqueio parcial da Ponte da Bandeira e conseqüente bloqueio total das alças de acesso na próxima quarta-feira, dia 6 de janeiro de 2010 a SPTrans alterará os itinerários de 27 linhas que trafegam na região.
Para informações sobre os trajetos de linhas de ônibus consulte itinerários ou ligue 156.
Linhas e Itinerários:
9717/10 JD. ALMANARA - SANTANA
Ida: sem alteração.Volta: normal até R. Voluntários da Pátria, R. Santa Eulália, Av. Santos Dumont, Praça Campo de Bagatelle, prosseguindo normal.
1156/51 PQ. EDU CHAVES - CORREIO
Sentido único: normal até R. Voluntários da Pátria, R. Força Publica, Av. Cruzeiro do Sul, R. Santa Eulália, Av. Santos Dumont, Praça Campo de Bagatelle, prosseguindo normal.
1156/10 VILA SABRINA - PCA. DO CORREIO
Ida: normal até R. Voluntários da Pátria, R. Força Publica, Av. Cruzeiro do Sul, R. Santa Eulália, Av. Santos Dumont, Praça Campo de Bagatelle, prosseguindo normal.Volta: sem alteração.
278A/10 PENHA - CEASA
Ida: normal até R. Voluntários da Pátria, R. Força Publica, Av. Cruzeiro do Sul, R. Santa Eulália, Av. Santos Dumont, Praça Campo de Bagatelle, prosseguindo normal.Volta: sem alteração.
1721/51 VILA EDE - PCA. DO CORREIO
1728/51 JD. BRASIL - PCA. DO CORREIO
1428/10 LAUZANE PAULISTA - PÇA. DO CORREIO
701U/10 JACANA - BUTANTA - USP
971X/51 TERMINAL CACHOEIRINHA - TERM. AMARAL GURGEL
175T/10 METRÔ SANTANA - METRO JABAQUARA
178A/10 IMIRIM - LAPA
107P/10 MANDAQUI - PINHEIROS
106A/10 METRÔ SANTANA - ITAIM BIBI
Ida: normal até R. Voluntários da Pátria, R. Santa Eulália, Av. Santos Dumont, Praça Campo de Bagatelle, prosseguindo normal.Volta: sem alteração.
178A/41 L N SRA DAS GRACAS - LAPA
Ida: normal até R. Voluntários da Pátria, R. Santa Eulália, Av. Santos Dumont, Praça Campo de Bagatelle, prosseguindo normal.
271F/10 METRO BELEM - SHOP. CENTER NORTE
1775/10 VILA ALBERTINA - CENTER NORTE
Ida: normal até R. Voluntários da Pátria, R. Padre Idelfonso, Av. Cruzeiro do Sul, Av. Zaki Narchi, prosseguindo normal.Volta: sem alteração.
177C/21 JD. BRASIL - CENTER NORTE
Sentido único: normal até R. Voluntários da Pátria, R. Padre Idelfonso, Av. Cruzeiro do Sul, Av. Zaki Narchi, prosseguindo normal.
211R/10 JD. DAS OLIVEIRAS - ESTAÇÃO DA LUZ
1178/10 SAO MIGUEL - PCA. DO CORREIO
1178/31 SAO MIGUEL - PCA. DO CORREIO
211V/10 VILA PARANAGUA - ESTAÇÃO DA LUZ
1177/51 TERM. A. E. CARVALHO - TERM. AMARAL GURGEL
Ida: normal até Av. Morvan Dias de Figueiredo, R. Massinet Sorcinelli, R. Mal. Leitão de Carvalho, Av. Santos Dumont, Ponte das Bandeiras, prosseguindo normal.Volta: sem alteração. 1178/42 CONJ. HAB.VL.SILVIA - PCA. DO CORREIO
Ida: normal até Av. Morvan Dias de Figueiredo, R. Massinet Sorcinelli, R. Mal. Leitão de Carvalho, Av. Santos Dumont, Ponte das Bandeiras, prosseguindo normal.
1177/10 TERM. A.E. CARVALHO - ESTAÇÃO DA LUZ
Ida: normal até R. Voluntários da Pátria, R. Força Publica, Av. Cruzeiro do Sul, R. Santa Eulália, Av. Santos Dumont, Praça Campo de Bagatelle, prosseguindo normal.Volta: sem alteração.
1180/10 VILA DR. EIRAS - PRACA PRINC. ISABEL
Ida: normal até Av. Morvan Dias de Figueiredo, R. Massinet Sorcinelli, R. Mal. Leitão de Carvalho, Av. Santos Dumont, Ponte das Bandeiras, prosseguindo normal.Volta: sem alteração.
READ MORE - Obras na Marginal Tietê alteram itinerários de linhas de ônibus

Fortaleza: Confira a mudança de itinerário de 19 linhas no centro da cidade


Com o objetivo de reduzir o tempo de viagem do usuário de ônibus na região do Centro e melhorar a circulação de veículos e pedestres, a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) resolveu alterar o itinerário de 19 linhas. Para informar acerca da mudança aos usuários do serviço de transporte, foram distribuídos panfletos e cartazes nos sete terminais de integração e no interior dos veículos, que terão novo trajeto.

Confira as linhas que serão modificadas:

022 - Jardim das Oliveiras/Centro - A linha deixará de passar nas vias General Sampaio, Castro e Silva e Sena Madureira. Serão utilizadas as vias Solon Pinheiro, Pedro Primeiro e Visconde do Rio Branco.

666 - Jardim Castelão - A linha deixará de passar nas vias 24 de maio e Duque de Caxias. Serão utilizadas as vias Solon Pinheiro, Pedro Primeiro e Visconde do Rio Branco.

833 - Cidade 2000/Centro - A linha deixará de passar nas vias Dom Manuel, Heráclito Graça, Duque de Caxias e General Sampaio. Serão utilizadas as vias Costa Barros, São José, Rufino de Alencar, Alberto Nepomuceno, João Moreira, 24 de Maio e Castro e Silva.

850 – Avenida Santos Dumont - A linha deixará de passar nas vias Dom Manuel, Heráclito Graça, Duque de Caxias e General Sampaio. Serão utilizadas as vias Costa Barros, São José, Rufino de Alencar, Alberto Nepomuceno, João Moreira, 24 de Maio e Castro e Silva.

901 - Dom Luiz - A linha deixará de passar nas vias Heráclito Graça, Duque de Caxias e General Sampaio. Serão utilizadas as vias Costa Barros, São José, Rufino de Alencar, Alberto Nepomuceno, João Moreira, 24 de Maio e Castro e Silva.

903 – Varjota - A linha deixará de passar nas vias Dom Manuel, Heráclito Graça, Duque de Caxias e General Sampaio. Serão utilizadas as vias Costa Barros, São José, Rufino de Alencar, Alberto Nepomuceno, João Moreira, 24 de Maio e Castro e Silva.

905 – Meireles - A linha deixará de passar nas vias Conde D"eu, Sena Madureira, Heráclito Graça, Duque de Caxias e General Sampaio. Serão utilizadas as vias Costa Barros, São José, Rufino de Alencar, Alberto Nepomuceno, João Moreira, 24 de Maio e Castro e Silva.

906 – Serviluz - A linha deixará de passar nas vias Conde D"eu, Sena Madureira, Heráclito Graça, Duque de Caxias e General Sampaio. Serão utilizadas as vias Costa Barros, São José, Rufino de Alencar, Alberto Nepomuceno, João Moreira, 24 de Maio e Castro e Silva.

907 - Castelo Encantado/Centro - A linha deixará de passar nas vias Conde D"eu, Sena Madureira, Heráclito Graça, Duque de Caxias e General Sampaio. Serão utilizadas as vias Costa Barros, São José, Rufino de Alencar, Alberto Nepomuceno, João Moreira, 24 de Maio e Castro e Silva.

909 - Praia do Futuro/Caça e Pesca - A linha deixará de passar nas vias Conde D"eu, Sena Madureira, Heráclito Graça, Duque de Caxias e General Sampaio. Serão utilizadas as vias Costa Barros, São José, Rufino de Alencar, Alberto Nepomuceno, João Moreira, 24 de Maio e Castro e Silva.

302 - Rodolfo Teófilo/José Bastos - A linha deixará de passar nas vias Tristão Gonçalves, São Paulo, Barão do Rio Branco, João Moreira, 24 de Maio, Senador Alencar. Serão utilizadas as vias General Sampaio e Pedro Primeiro.

240 - Quintino Cunha/Centro - A linha deixará de passar nas vias São Paulo, General Sampaio, João Moreira, 24 de Maio e Senador Alencar. Será utilizada a via Castro e Silva.

206 - Padre Andrade - A linha deixará de passar nas vias São Paulo, Barão do Rio Branco, João Moreira, 24 de Maio e Senador Alencar. Será utilizada a via Castro e Silva.

201 - Bezerra de Menezes/Bairro Ellery - A linha deixará de passar nas vias São Paulo, Barão do Rio Branco, João Moreira, 24 de Maio e Senador Alencar. Será utilizada a via Castro e Silva.

108 - Santa Maria/Bezerra de Menezes - A linha deixará de passar nas vias Tristão Gonçalves, São Paulo, Barão do Rio Branco, João Moreira, 24 de Maio, Senador Alencar. Serão utilizadas as vias Princesa Isabel e Castro e Silva.

251 - Antônio Bezerra/Centro - A linha deixará de passar nas vias João Moreira, 24 de Maio e Senador Alencar. Será utilizada a via Pedro Pereira.

220 - Avenida Sargento Hermínio - A linha deixará de passar nas vias São Paulo, General Sampaio, João Moreira, 24 de Maio e Senador Alencar. Será utilizada a via Castro e Silva.

202 - Rodolfo Teófilo/Bezerra de Menezes - A linha deixará de passar nas vias São Paulo, Barão do Rio Branco, João Moreira, 24 de Maio e Senador Alencar. Será utilizada a via Pedro Pereira.

200 - Avenida Bezerra de Menezes - A linha deixará de passar nas vias São Paulo, General Sampaio, João Moreira, 24 de Maio e Senador Alencar. Será utilizada a via Pedro Pereira.

233 - Olavo Bilac/Bairro Ellery - A linha deixará de passar nas vias General Sampaio e São Paulo. Serão utilizadas a Castro e Silva e Imperador.
READ MORE - Fortaleza: Confira a mudança de itinerário de 19 linhas no centro da cidade

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960