São Paulo: EMTU, Metrô e CPTM vão operar até a uma hora da manhã do horário antigo

sábado, 20 de fevereiro de 2010


À meia-noite de sábado (20), todos os relógios serão atrasados em uma hora. As composições e os ônibus prestarão serviço por mais 60 minutos em todas as linhas.

EMTU

Os ônibus das linhas intermunicipais gerenciados pela EMTU/SP nas três regiões metropolitanas do Estado (São Paulo, Campinas e Baixada Santista) prolongarão igualmente a operação por mais 60 minutos à meia-noite de sábado em virtude do fim do horário de verão. Na Grande São Paulo, os relógios dos nove terminais do Corredor Metropolitano ABD (São Mateus-Jabaquara) e mais o do Terminal Metropolitano de Cotia serão atrasados em uma hora, retornando ao horário anterior.

METRÔ

À meia-noite de sábado (20), todos os relógios serão atrasados em uma hora e as composições prestarão serviço por mais 60 minutos em todas as linhas. Na Linha 1- Azul, por exemplo, em vez de 712, estão programadas 728 viagens. A Linha 2-Verde terá um acréscimo de 12 viagens, passando de 463 para 475. Os usuários da Linha 3-Vermelha contarão com uma oferta de 873 viagens, 16 a mais do que tradicionalmente é programado para a linha aos sábados. Na Linha 5–Lilás, em vez de 322, os trens em circulação realizarão 328 viagens. No domingo, a operação comercial será iniciada no horário habitual, às 4h40.

CPTMA

CPTM também operará até a uma hora da manhã do horário antigo na madrugada do sábado (20) para o domingo (21), por conta do término do horário de verão. Excepcionalmente, a Companhia terá operação comercial durante 22h ininterruptas, diferentemente de um sábado tradicional, quando presta serviço por 21h. No domingo, o operação comercial será iniciada às 4 horas.

Nas linhas 7-Rubi (Luz-Francisco Morato) e 10-Turquesa (Luz-Rio Grande da Serra), trens partirão com intervalos de 20 minutos. Na extensão da Linha 7, entre Francisco Morato e Jundiaí, serão colocados trens em prontidão para suprir possíveis demandas.

Na Linha 8-Diamante (Júlio Prestes-Itapevi), os intervalos serão de 15 minutos. Na Linha 9-Esmeralda (Osasco-Grajaú), os trens terão intervalos especiais, adaptados para atender às viagens extras necessárias. Nas linhas 11-Coral (Luz-Estudantes) e 12-Safira (Brás-Calmon Viana), os trens partirão de 20 em 20 minutos.

Fonte: EMTU-SP

0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960